Atendimento online infantil: 5 dicas imperdíveis

atendimento online infantil
Paulinha Psico Infantil

Paulinha Psico Infantil

Olá, sou a Paulinha, psicóloga infantil com foco em transtornos do neurodesenvolvimento. Crio conteúdos na internet desde 2015 e ajudo milhares de mães e outras profissionais da área. Quer conversar comigo? Só deixar um comentário no final do conteúdo.

Os psicólogos já sabem, a essa altura, que o atendimento infantil sofreu com algumas modificações nos últimos anos, justamente por conta da pandemia do coronavírus, que acabou tornando bastante comum o atendimento online infantil.

Apesar de parecer um cenário “temporário”, visto que, a tendência é que a situação estabilize por decorrência da vacina e da diminuição do número de casos de pacientes da doença, esse modelo de atendimento online infantil é uma realidade presente na sociedade atual.

Por isso, é fundamental que o profissional dessa área consiga se preparar para os dois cenários, tanto com o atendimento presencial, como para o digital. Além disso, é fundamental que ele se prepare para entender que os atendimentos serão diferentes de acordo com o perfil de cada paciente.

Existe uma diferença importante entre o atendimento infantil e com adultos. Naturalmente existe uma dificuldade maior em controlar as ações das crianças, de administrar seus impulsos e manter foco. Esse cenário é ainda mais impactante por meio do atendimento digital, visto que, não ocorre um contato direto entre terapeuta e paciente.

Para entender como conciliar o atendimento digital, presencial e levando em consideração os diferentes perfis, as dificuldades que cada pessoa enfrenta para conseguir ser atendido, entre outros detalhes importantes, selecionamos 5 dicas para que o psicólogo saiba como trabalhar o atendimento online infantil da melhor maneira possível. 

 
1. Plano ABCD para o atendimento online

psicólogo atendendo criança

Para começar, o profissional de psicologia que está buscando começar a atender em atendimento online infantil precisa ter em mente mais de uma alternativa para atendimento, pois isso pode ser fundamental para conduzir os processos.

Como já dissemos, o atendimento às crianças requer uma atenção redobrada aos detalhes, pois existe uma dificuldade maior em conseguir a atenção necessária para certas atividades por parte dos pequenos. Quando essa situação acontece no atendimento online infantil, a dificuldade é ainda maior, pois existem outras questões que podem interferir, como falha na comunicação, queda na internet, instabilidade, entre outras.

Dessa maneira, é fundamental que o terapeuta tenha em mente a necessidade de possuir mais de um plano. O recomendado é que esse profissional tenha um “plano ABCD”, ou seja, pelo menos 4 ideias de como conduzir o atendimento.

Com um repertório maior de ideias, o terapeuta certamente terá maior facilidade em conseguir conduzir o atendimento online infantil, visto que, caso alguma atividade proposta não esteja rendendo, ele não terá de improvisar, conseguindo propor uma nova atividade que pode funcionar da maneira desejada. 

Vamos dar um exemplo: digamos que o foco daquela sua sessão envolve o trabalho de comunicação da criança, então você poderá ter 4 planos: uma atividade de nomeação e contação de histórias no power point, cartinhas de baralho terapêutico com perguntas e respostas, fantoches de pelucia que conversam através da tela (você escolhe o seu do consultório e a criança um dele em casa) e também, um jogo de tabuleiro online que possam trabalhar o tema. Entende a necessidade de ter vários planos? Você pode ter uma ótima sessão usando apenas um ou dois deles, mas caso algo não vá dentro do esperado, você poderá adaptar para o próximo planejamento.

Essa é uma das razões que, mesmo quando atendo online, gosto de atender no consultório, pois o armário está perto para qualquer nova ideia ou brinquedo.

2. Explique para os pais – previsibilidade

atendimento online infantil com ajuda dos pais

Quando falamos em atendimento infantil, essencialmente por meio online, a presença dos pais é fundamental. Entretanto, é importante que eles interfiram o mínimo possível durante o atendimento online infantil, garantindo que o terapeuta tenha total liberdade para aplicar seus métodos de atendimento.

Por isso é muito importante explicar todos os detalhes de como funcionará o atendimento online infantil, como serão as atividades, o que que será necessário ter em mãos para que o processo funcione, e vice-versa.

A presença dos pais é importante para manter as crianças próximas dos aparelhos e focadas no atendimento, “eliminando” as distrações. Nesse sentido, os pais só devem intervir caso a criança largue o dispositivo eletrônico que está sendo utilizado para o atendimento, seja ele um celular, tablet ou até mesmo um computador.

A não ser que a sua sessão envolva a brincadeira dos pais com a criança, aí então você combina uma sessão anterior com o pai para explicar para ele como irá funcionar, qual será a função dele, como é a brincadeira, etc. E dessa forma você terá uma sessão bem mais organizada e com a participação da família.


3. Sites e jogos terapêuticos online

psicólogo em terapia online

Como o atendimento online “elimina” o contato direto entre paciente e terapeuta, dificultando a aplicação de atividades sensoriais, uso de brinquedos e outras tarefas, é importante que o estudante de psicologia saiba trabalhar com as “armas” disponíveis.

Como sabemos, a internet é um campo vasto de opções para todas as ideias possíveis. Não é diferente quando pensamos em atividades que podem ser úteis durante o atendimento.

Nesse sentido, é interessante que o profissional saiba escolher sites que possuam atividades online e em tempo real. Existe uma grande variedade de sites que possuem diferentes tipos de atividades, conseguindo trabalhar as sensações, emoções, traumas, por exemplo.

Dependendo da idade da criança, essa etapa de escolha pode requerer mais uma ação dos pais, visto que, não são todas que sabem utilizar completamente os dispositivos para acessar os sites pedidos pelos terapeutas.

Vou deixar aqui uma dica de ouro de um site gratuito para vocês usarem atividades: https://wordwall.net/ – lá tem diversas atividades prontas para você usar no compartilhamento de tela com o seu paciente.


4. Youtube

homem assistindo videos no youtube

Além de sites que podem ser úteis para desenvolver atividades de diversos objetivos, existem outros aplicativos digitais que também podem ser utilizados durante o atendimento online infantil, como é o caso do Youtube.

O youtube é uma plataforma completa, repleta de vídeos que podem ajudar o terapeuta a mostrar uma história, explicar um sentimento, desenvolver uma atividade, etc. 

Naturalmente é interessante que o terapeuta tenha sempre em mente alguns vídeos mapeados, evitando o improviso, que nem sempre funciona da maneira desejada.

Fica aqui a dica de playlist de brincadeiras que uso em meus atendimentos:

Esse aplicativo ou ferramenta também pode ser útil de outras maneiras. As crianças possuem maior dificuldade em focar nas atividades que estão fazendo, se distraindo facilmente. 

O uso de vídeos acaba ajudando a contornar essa situação. Dessa forma, o Youtube também pode ser utilizado para que as crianças voltem a prestar atenção na tela e, consequentemente, no seu atendimento.

5. Desenhos

atendimento com auxílio dos pais

Por fim, o atendimento online infantil também permite que você utilize aplicativos de desenho, por exemplo. Como sabemos, durante a fase de aprendizado, os desenhos costumam ser fortes aliados das crianças, pois ajudam os pequenos a desenvolver ideias de cores, formatos, entre outras sensações.

O Paint ou outros aplicativos de desenho podem ser utilizados para desenvolver uma atividade específica, indo de acordo com as demandas que você estabeleceu para cada atendimento.

Dessa maneira, juntando todas essas ferramentas digitais, certamente o estudante de psicologia estará mais preparado para encarar essa rotina de atendimentos digitais, que está cada vez mais presente na sociedade atual.

Conclusão: atendimento online infantil

Como vimos, as mudanças que ocorreram nos últimos anos, essencialmente por conta da pandemia, fizeram com que os atendimentos terapêuticos sofressem uma mudança importante. Muitos dos atendimentos migraram do presencial para o digital, e essa é uma tendência que veio para ficar. 

Por isso, é fundamental que o profissional saiba se preparar e se adaptar, entendendo de que maneira ele pode usar as ferramentas digitais ao seu favor, desde aplicativos de chamada de vídeo até ferramentas que complementam o atendimento. 

No nosso curso do Psicoplano Infantil nós possuímos uma aula só de ideias de como usar a plataforma Zoom e várias atividades do que fazer do atendimento online. Acesse o nosso site e confira a lista de espera para o curso do Psicoplano Infantil.

E para mais novidades diariamente, me siga no Instagram: Paulinhapsicoinfantil ou dê uma olhada nos meus outros conteúdos do Blog.

Compartilhe esse conteúdo

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook

Tópicos do Conteúdo

Gostou do conteúdo? Deixe um comentário

Conteúdos que você também pode gostar