Marcos do desenvolvimento infantil: Descubra os importantes

Marcos do desenvolvimento infantil: Descubra os importantes
Paulinha Psico Infantil

Paulinha Psico Infantil

Olá, sou a Paulinha, psicóloga infantil com foco em transtornos do neurodesenvolvimento. Crio conteúdos na internet desde 2015 e ajudo milhares de mães e outras profissionais da área todos os dias aqui e em minhas redes sociais.

Você provavelmente já ouviu a frase “cada criança tem seu tempo”, não? Pois saiba que não é bem assim. No processo de crescimento, existem alguns marcos do desenvolvimento infantil que ajudam a determinar se a criança está atrasada ou não e, consequentemente, se pode ser uma boa ideia buscar ajuda profissional.

Desde o nascimento, os bebês aprendem em uma velocidade estarrecedora até que completem cerca de 6 anos de idade. É um fato marcante que até essa idade, cerca de 90% das conexões cerebrais são formadas. 

Não é para menos: é nos primeiros anos de vida que o ser humano passa da fase em que tudo o que consegue fazer é ficar deitado e mexer sem muito controle os braços, até o momento em que já sabe andar, correr, falar (em mais de uma língua se for estimulado) e até criar brincadeiras. Esse processo assustadoramente veloz pode ser analisado de acordo com marcos do desenvolvimento infantil

A importância de ficar atento aos marcos do desenvolvimento infantil

A importância de ficar atento aos marcos no desenvolvimento infantil

Como os bebês muito novinhos não fazem muitas coisas, muitos sinais de atrasos podem passar despercebidos. Ainda assim, é possível perceber vários indicativos de que a criança não está se desenvolvendo de acordo com o que é mais comum para sua idade, e é muito importante notar essas coisas porque, caso o bebê tenha qualquer condição especial, a intervenção precoce vai determinar boa parte do sucesso e da adaptação do pequeno às suas condições. 

O primeiro passo para estar preparado nessa missão é se preocupar sinceramente: nada de “ah mas é o jeitinho dele, cada um tem seu tempo”. Seja realista com o que está observando, porque isso só vai fazer bem à criança. E então, basta saber quais são os marcos do desenvolvimento infantil para que você saiba o que procurar

Alguns sinais importantes

Alguns sinais importantes

Existem quatro categorias que são usadas normalmente para marcar o progresso de bebês e crianças: emoções sociais, linguagem, cognição e desenvolvimento motor. Os marcos do desenvolvimento infantil em cada um desses campos são divididos de acordo com a idade. 

Os pontos de desenvolvimento mais difíceis de identificar podem ser os que a criança apresenta entre o nascimento e o primeiro ano de vida, justamente porque não se espera muito da criança até então. Para ajudar nesse processo, vamos conferir alguns dos principais marcos do desenvolvimento infantil durante esse período. 

  • Desenvolvimento motor: até os 6 meses de idade o bebê deve ser capaz de agarrar objetos e levá-los até a boca, erguer a cabeça e rolar. Depois, até os 9 meses ele já consegue engatinhar e ficar sentado sem apoio. Com 1 ano e meio, ou seja, 18 meses, o bebê anda sem apoio e consegue segurar copos e comer com colher. Com 3 anos a criança já corre, sobe e desce escadas sem grande dificuldade e consegue ficar na ponta dos pés. Um marco importante aos 4 anos de idade é conseguir usar tesouras, além de conseguir pular com um pé só; 
  • Linguagem: até os 9 meses, o bebê apenas balbucia, começando a formar sílabas como mama e papa depois dos 6 meses. Até 1 ano e meio de idade, o bebê já sabe como acenar dando tchau e consegue falar algumas palavras, além de entender algumas coisas que os outros dizem e também começar a apontar coisas. Depois dos 2 anos de idade, a criança já é capaz de falar algumas frases, apontar imagens e repetir palavras. Essas capacidades vão se aprimorando a cada ano, sendo que aos 3 anos a criança já responde a perguntas simples e aos 4 anos já sabe contar histórias;
  • Socioemocional: Nos primeiros 6 meses, o bebê só sorri e reage às cócegas. Depois, até os 9 meses, já começa a entender a palavra “não”. Dos 9 aos 12 meses, o pequeno já imita sons e gestos. Até 1 ano e meio de idade, começa a usar imaginação ao brincar e, até os 2 anos de idade, já brinca ao lado de outras crianças. Até os 3 anos, deve mostrar preocupação com outras crianças chorando. Começa a falar sobre seus gostos e interesses aos 4 anos de idade;
  • Cognitivo: Dois marcos muito importantes que se manifestam até os 6 meses de idade são o acompanhamento do bebê a estímulos sonoros e visuais, ou seja, o pequeno vira a cabeça para a direção de barulhos e acompanha com os olhos o que se passa na frente dele. Até os 9 meses, o bebê normalmente já entende quando é chamado pelo nome. Com 1 ano e meio, a criança já é capaz de fazer rabiscos, apontar para partes do próprio corpo e seguir orientações mais simples. Com 2 anos de idade, normalmente já sabe o nome de algumas cores e consegue empilhar brinquedos e coisas. 

Como obter ajuda para identificar os marcos do desenvolvimento infantil 

Como obter ajuda para identificar os marcos do desenvolvimento infantil

Muitas dúvidas surgem naturalmente nesse processo. É comum no desenvolvimento cognitivo, por exemplo, que o bebê de poucos meses consiga acompanhar pessoas e objetos com os olhos, mas de maneira atrasada, demorando para mover os olhos e por consequência perdendo de vista o objeto ou pessoa, se este se mover muito rápido. Para um pai, mãe ou cuidador preocupado, isso pode gerar dúvida. 

O profissional qualificado para ajudar nessa empreitada é o pediatra, que deve acompanhar os marcos do desenvolvimento infantil e vai saber quando algo é normal e quando se deve prestar mais atenção. Mas e no caso de algum comportamento ou atraso se manifestar? O que fazer?

O apoio ideal para a criança

No caso de atrasos no desenvolvimento infantil, é muito importante que os pais ou cuidadores procurem ajuda de um psicólogo e de um neuropediatra, porque são esses profissionais que poderão determinar o que está acontecendo com a criança. Muitas condições, como o TEA e hiperatividade, por exemplo, são abordadas de maneira muito mais eficaz quando são diagnosticadas precocemente. 

Ficou curioso ou quer se aprofundar no grande universo da psicologia infantil? Dá uma olhada nos outros textos do meu blog e me acompanhe pelo Instagram e YouTube! Tem muitas dicas e conteúdos informativos que vão transformar sua visão sobre esses pequenos que a gente tanto ama. Confira!

Compartilhe esse conteúdo
WhatsApp
Facebook

Tópicos do Conteúdo

Conteúdos que você também pode gostar
Calandar (2)
20 de maio de 2024
A integração necessária para a...
Calandar (2)
15 de março de 2024
As estereotipias do autismo são...
Calandar (2)
13 de março de 2024
O hiperfoco infantil é um...
Calandar (2)
11 de março de 2024
O Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC) é...
Calandar (2)
5 de março de 2024
Os transtornos infantis são condições...

Newsletter: Receba Notícias e Conteúdos

Receba as novidades do mundo da Terapia Infantil toda semana!

Jornada Terapeuta Infantil de Sucesso

Aprenda a se desenvolver mais como terapeuta infantil, como lotar sua agenda e fazer a gestão do seu consultório do zero.

Descubra como trabalhar todas as demandas clínicas eliminando qualquer insegurança no atendimento infantil.

Descubra como trabalhar todas as demandas clínicas eliminando qualquer insegurança no atendimento infantil.

TERAPEUTA INFANTIL NÃO PERCA!!!

Descubra como trabalhar todas as demandas clínicas eliminando qualquer insegurança no atendimento infantil.

TERAPEUTA INFANTIL NÃO PERCA!!!

Descubra como trabalhar todas as demandas clínicas eliminando qualquer insegurança no atendimento infantil.

TERAPEUTA INFANTIL NÃO PERCA!!!

Descubra como trabalhar todas as demandas clínicas eliminando qualquer insegurança no atendimento infantil.

TERAPEUTA INFANTIL NÃO PERCA!!!

Aprenda como atuar em todas as demandas clínicas eliminando qualquer insegurança no atendimento infantil, através da metodologia IAMF.

PSICÓLOGA INFANTIL NÃO PERCA!!!

Aprenda como atuar em todas as demandas clínicas eliminando qualquer insegurança no atendimento infantil, através da metodologia IAMF.

PSICÓLOGA INFANTIL NÃO PERCA!!!

Digite o que procura abaixo