5 jogos para transtorno desafiador opositivo

5 jogos para transtorno desafiador opositivo
Paulinha Psico Infantil

Paulinha Psico Infantil

Olá, sou a Paulinha, psicóloga infantil com foco em transtornos do neurodesenvolvimento. Crio conteúdos na internet desde 2015 e ajudo milhares de mães e outras profissionais da área. Quer conversar comigo? Só deixar um comentário no final do conteúdo.

Você já ouviu falar do transtorno desafiador opositivo? Bom, esse é um transtorno que afeta principalmente as crianças, e é caracterizado por uma série de comportamentos considerados inadequados para essa idade. Na sequência, explicaremos melhor o que é isso, mas é importante destacar que, para tratar essa condição, a utilização de jogos para transtorno desafiador opositivo é uma ótima solução.

O que é o Transtorno desafiador opositivo?

O que é o Transtorno desafiador opositivo?

O Transtorno desafiador opositivo, ou TOD, é uma condição comportamental que geralmente ocorre durante a idade infantil.

Esse transtorno se caracteriza por alguns comportamentos considerados inadequados, o que dificulta os ensinamentos dos pais para com os seus filhos.

Entre os principais comportamentos, característicos do Transtorno Desafiador Opositivo, estão: 

  • Agressividade;
  • Desejos vingativos;
  • Comportamento desafiador;
  • Ações provocativas;
  • Desobediência;
  • Incomodar outras pessoas;
  • Ficar com raiva constantemente.

Certamente, esses comportamentos são considerados totalmente inadequados, e muitos pais não sabem como lidar com isso.

O diagnóstico desse transtorno pode ser feito após a observação desses comportamentos durante um certo período, identificando que a criança não mudou ou melhorou a sua interação com outras pessoas, seguindo sendo agressiva.

Trabalho do psicólogo infantil para tratamento do TOD

Trabalho do psicólogo infantil para tratamento do TOD

Esse é um tipo de transtorno que costuma incomodar bastante os pais, pois é difícil de ser resolvido apenas em suas residências. Os pais podem tentar durante um certo tempo, mas quando não observam melhoras, é importante levar até um psicólogo especializado nesse tipo de problema.

Nesse sentido, o psicólogo infantil especializado pode desenvolver um tratamento interessante para ajudar a combater esses comportamentos inadequados, transformando a vida das crianças e também dos pais.

Mas, como funciona esse tratamento? Mais a frente, veremos como e quais os  jogos para transtorno desafiador opositivo podem ser utilizados para ajudar a mudar esse cenário, mas antes, é importante destacar os principais pontos base do atendimento de psicologia infantil para  transtorno desafiador opositivo.

Dessa forma, os tratamentos podem ser variados, mas, de modo geral, eles consistem em uma abordagem em grupo, ou seja, trabalhando juntamente com os pais e as próprias crianças.

Na abordagem com os pais, o psicólogo deve tentar passar certos ensinamentos sobre como eles podem mudar sua forma de interagir com as crianças, visando uma interação mais correta e eficaz, sem corroborar com esses comportamentos indevidos.

Muitas vezes, pode ser necessário a terapia em família, que deve envolver as crianças e seus pais. Essa é uma forma de trabalhar a interação social das crianças, que pode estar comprometida.

Em caso de crianças que possuem, além do transtorno desafiador opositivo, outras condições neurológicas que afetam seu comportamento, como o TDAH (Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade), pode ser recomendado o uso de medicamentos.

Os tratamentos servem para acelerar o processo de mudanças comportamentais das crianças, mas, apesar disso, é natural que esses comportamentos inadequados tendem a diminuir naturalmente com o passar do tempo.

Dicas sobre jogos para transtorno desafiador opositivo

Jogos de desenho para contar sobre a semana ou o dia – as regras

Jogos de desenho para contar sobre a semana ou o dia - as regras

Desenhar com a criança ajuda a organizar seu pensamento, dessa forma ela encontra uma forma a mais de se expressar além da fala. Brincadeiras de histórias em quadrinhos, antes e depois, relatos da escola ou da família podem ser uma boa estratégia de jogos para transtorno opositor opositivo. 

Por isso, é importante que os pais incentivem e pratiquem essas práticas junto de seus filhos, alimentando esse desejo por explorar a criatividade, organização dos pensamentos e expressão.

Jogos para transtorno desafiador opositivo que trabalhem com o controle inibitório

Jogos para transtorno desafiador opositivo que trabalhem com o controle inibitório

Outro modelo de jogo interessante, que está entre os principais jogos para transtorno desafiador opositivo, são os que trabalham com o controle inibitório. Mas, o que é isso?

O controle inibitório ou a inibição, se refere a habilidade para inibir ou controlar respostas impulsivas. Quando a inibição apresenta-se deficitária, ela pode ser caracterizada por comportamentos inadequados ou fora do controle, como a hiperatividade, distração, déficits de atenção e comportamentos impulsivos.

Para controlar essas respostas impulsivas, diminuindo a ocorrência de comportamentos inibitórios, os  jogos para transtorno desafiador opositivo, como o jogo da estátua, podem ser uma solução interessante.

Caso você não conheça o jogo da estátua, ele funciona, mais ou menos, da seguinte maneira: os pais ou psicólogos colocam uma música para tocar e dançam juntamente com as crianças. Em certo ponto da música, os pais gritam a palavra “estátua”. Nesse momento, todos devem ficar parados, em uma posição estática, como se fossem uma estátua.

Para crianças que possuem TOD, e que acabam tendo um controle inibitório deficiente, a princípio elas terão certas dificuldades em permanecerem paradas dessa maneira, pois os impulsos fazem com que elas queiram se movimentar sem parar.

Mas, explorando esse e outros modelos de  jogos para transtorno desafiador opositivo no controle inibitório, com o passar do tempo as crianças começam a entender que é necessário ficar parado quando a expressão for falada, ajudando a diminuir esses comportamentos impulsivos.

Jogo do sinaleiro 

Jogo do sinaleiro

O Jogo do sinaleiro é mais uma ideia de jogo de controle inibitório, e pode ser bastante explorado durante as consultas de psicologia infantil.

Ele funciona mais ou menos da seguinte maneira: É selecionado um papel verde e um papel vermelho, cada um representando uma ação, como andar e ficar parado.

Para a brincadeira, as crianças precisam atravessar a sala do psicólogo e chegar até o terapeuta, que mostrará um dos papéis. Suponhamos que o verde seja para parar e o vermelho para andar, ou vice-versa, quando o psicólogo mostra o papel para o paciente, esse deve realizar a ação correspondente.

Depois de algumas rodadas ele troca a ordem dos papéis. Naturalmente, as crianças tendem, a princípio, repetir a mesma ação só observando as cores sem lembrar que ocorreu a mudança. Mas a ideia é que ela se acostume, controlando seus impulsos e sua inibição e se adeque com as demandas da brincadeira.

Jogo sem controle

Jogo sem controle

O jogo sem controle é uma atividade de carteado, muito utilizado em consultórios de psicologia para avaliação cognitiva de pacientes e também pode ajudar no controle impulsivo, sendo um dos jogos para transtorno desafiador opositivo mais interessantes.

Esse jogo consiste em 3 níveis, sendo que em cada nível pode ser dividido em diferentes categorias, como por exemplo

  • Nível 1 – 1A, 1B, 1C e 1D;
  • Nível 2 – 2A, 2B, 2C e 2D;
  • Nível 3 – 3A e 3B;

Em cada nível, existirá uma regra, e o objetivo é que o paciente responda sim ou não para a ação dos psicólogos, conforme a estipulação da regra para aquele nível em específico.

Clicando no vídeo, você consegue visualizar, de forma didática e simples, como esse jogo funciona e de que maneira ela pode ajudar a trabalhar o comportamento dos pacientes nos atendimentos.

Jogos de celular com base em estimulação cognitiva das funções executivas

Jogos de celular com base em estimulação cognitiva das funções executivas

A última dica de jogos de  para transtorno desafiador opositivo, são os jogos de celulares com base em estimulação cognitiva das funções executivas, que podem ser encontrados facilmente na internet, podendo ser baixados de forma rápida e gratuita.

A utilização de celulares pelas crianças vem se tornando cada vez mais comum. Muitos pais utilizam essa ideia como uma forma de descanso, visto que, enquanto as crianças estão entretidas com os jogos digitais, os pais conseguem descansar ou realizar suas atividades de rotina.

Mas e se esses jogos não fossem apenas para distração e entretenimento, mas sim para ajudar no desenvolvimento cognitivo, estimulando mudanças comportamentais? Bom, existem diversos jogos que exploram isso. 

Nesse sentido, existem diferentes modelos e tipos de jogos que podem ser utilizados para estimular a cognição das funções executivas, que são as habilidades responsáveis pelo controle dos pensamentos, sentimentos, emoções e ações.

Normalmente, esses modelos de jogos buscam estimular a memória, trabalhando com cores e ações que precisam ser relembradas para que o jogador consiga finalizar as tarefas. 


Jogos nesse sentido estão sendo cada vez mais desenvolvidos por neuropsicólogos, pois estão apresentando resultados interessantes no controle das funções executivas e no controle inibitório, ajudando a trabalhar o desenvolvimento das crianças com TOD.

Ficou curioso para conhecer alguns desses jogos? O Gwakkamolé e o “All you can E.T” são jogos para transtorno desafiador opositivo que foram desenvolvidos justamente por profissionais que entendem como deve ser o tratamento para esse transtorno. 

Conclusão sobre jogos para transtorno desafiador opositivo


Como vimos, o TOD é um transtorno importante, que afeta diretamente a relação dos pais com seus filhos, e o desenvolvimento cognitivo e comportamental das crianças. Por isso, é importante trabalhar esses comportamentos inadequados que vimos ao longo do artigo, e uma das maneiras é estimular jogos para transtorno desafiador opositivo.

E para mais novidades diariamente, me siga no instagram: Paulinhapsicoinfantil ou dê uma olhada nos meus outros conteúdos do Blog.

Compartilhe esse conteúdo

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook

Tópicos do Conteúdo

Gostou do conteúdo? Deixe um comentário

Conteúdos que você também pode gostar